Sexta-feira, 8 de Agosto de 2008

A tristeza de não encontrar “o teu olhar”…

Triste por pensar que afinal não me consideras amigo, destas coisas virtuais, ou o que quer que seja, embora que para mim seja do real, porque eu sempre me apresento como realmente sou, não sei ser de outra maneira, é a minha forma de estar na vida, em “qualquer vida”.

Fica sabendo que eu te considero amiga e uma pessoa muito especial. E como o já referi muitas vezes: - Todos os sentimentos só têm sentido quando são recíprocos, pensoeu.

Ficaria muito feliz se te tivesses lembrado de mim em qualquer momento.

 

Até sempre…

 

como eu estou: em dívida!!!...
a ouvir no CD ou no YouTube: Pontes entre Nós - Pedro Abrunhosa
publicado por agoradigoeu às 11:43
link do post | no comments | favorito

>mais sobre...

>pesquisar

 

>Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

>posts recentes

> ...

> Perdi...

> Mãe...a minha vida

> O DIA DA MÃE ... DA MINHA...

> Mãe...a minha vida

> O MEU AMOR PELA MINHA MÃE...

> Mãe...a minha vida

> Aos 46...

> Aos 46...

> Sensações...

>na pen

> Agosto 2010

> Maio 2010

> Abril 2010

> Março 2010

> Fevereiro 2010

> Janeiro 2010

> Dezembro 2009

> Novembro 2009

> Outubro 2009

> Setembro 2009

> Agosto 2009

> Junho 2009

> Maio 2009

> Abril 2009

> Março 2009

> Fevereiro 2009

> Janeiro 2009

> Dezembro 2008

> Novembro 2008

> Outubro 2008

> Setembro 2008

> Agosto 2008

> Julho 2008

> Junho 2008

> Maio 2008

> Abril 2008

>tags

> todas as tags

>gosto mesmo muito

> Para além de mim

> O DIA DA MÃE ... DA MINHA...

> 30 de Fevereiro de um ano...

> Pediste-me para Pintar

> ...Pedaços...

> Cansada

> Agradar a Gregos e a Troi...

> MÃE

> Parabéns Olimpicos - Para...

> anonimato...

blogs SAPO

>subscrever feeds