Segunda-feira, 20 de Abril de 2009

estados de alma...

Olá

 

Hoje tenho mais tempo, talvez até demasiado tempo.

 

Por vezes quanto temos mais tempo, mais esse tempo, e procuramos ordenar as ideias somos traídos na procura dos nossos caminhos, porque procuramos exorcizar a nossa paz interior,

e não é fácil.

 

Talvez exista uma forma prática de interiorizar. - um pequeno balanço - focarmo-nos em objectivos - e correr para eles não quebrando o compromisso com o nosso eu, com os nossos ideais e principios.

 

A vida é muito mais simples do que nós a fazemos mas como somos seres pensantes fica, desde logo, tudo muito mais complicado.

digoeu.

 

A Claudia e a Marta colocaram, cada uma, o seu post com mais ou menos o mesmo título estado/s de alma e ajudaram a exorcizar o meu e fiz também a minha pesquisa, para o nosso conhecimento e aqui vai:

 

 O Retiro da Alma

 

Há quem procure lugares de retiro no campo, na praia, na montanha; e acontece-te também desejar estas coisas em grau subido. Mas tudo isto revela uma grande simplicidade de espírito, porque podemos, sempre que assim o quisermos, encontrar retiro em nós mesmos. Em parte alguma se encontra lugar mais tranquilo, mais isento de arruídos, que na alma, sobretudo quando se tem dentro dela aqueles bens sobre que basta inclinar-se para que logo se recobre toda a liberdade de espírito, e por liberdade de espírito, outra coisa não quero dizer que o estado de uma alma bem ordenada. Assegura-te constantemente um tal retiro e renova-te nele. Nele encontrarás essas máximas concisas e essenciais; uma vez encontradas dissolverão o tédio e logo te hão-de restituir curado de irritações ao ambiente a que regressas.

Marco Aurélio (Imperador Romano), in "Pensamentos"

 

 

Controle da Alma

 

Lembra o retiro que te oferece esse pequeno domínio que és tu mesmo; acima de tudo, não te inquietes nem te oponhas, mas permanece livre e encara as coisas virilmente, como homem, como cidadão, como mortal. E, naquilo em que meditares mais frequentemente, estejam presentes estas duas verdades fundamentais: uma, que as coisas não afectam a alma, mas permanecem imóveis, fora dela, e as nossas perturbações resultam unicamente da opinião interior que a alma delas forma; outra, que tudo quanto contemplas mudará dentro de um instante e não mais existirá. Pensa em quantas mudanças já assististe. O cosmos é mutação; a vida, opinião.

 

Se suprimires a tua opinião sobre aquilo que te parece causar sofrimento, alcançarás perfeita segurança. Tu, quem? A razão. Mas eu não sou apenas razão. Seja. Então, que a razão não se perturbe a si mesma. Mas se outra parte de ti sofrer, que ela opine sobre si própria.

Marco Aurélio, in 'Pensamentos e Reflexões'

 

 

 

Interessantissimo este artigo:

http://astrologia.sapo.pt/terapias/desenvolvimento-pessoal/a-dor-como-caminho-e-oportunid-913160.html

  

 

Para ouvir no youtube:

http://www.youtube.com/watch?v=yG7334OWRkg

 

como eu estou: em interiorização...
a ouvir no CD ou no YouTube: Humanos - quero é viver
publicado por agoradigoeu às 15:49
link do post | no comments | favorito

>mais sobre...

>pesquisar

 

>Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

>posts recentes

> estados de alma...

>na pen

> Agosto 2010

> Maio 2010

> Abril 2010

> Março 2010

> Fevereiro 2010

> Janeiro 2010

> Dezembro 2009

> Novembro 2009

> Outubro 2009

> Setembro 2009

> Agosto 2009

> Junho 2009

> Maio 2009

> Abril 2009

> Março 2009

> Fevereiro 2009

> Janeiro 2009

> Dezembro 2008

> Novembro 2008

> Outubro 2008

> Setembro 2008

> Agosto 2008

> Julho 2008

> Junho 2008

> Maio 2008

> Abril 2008

>tags

> todas as tags

>gosto mesmo muito

> Para além de mim

> O DIA DA MÃE ... DA MINHA...

> 30 de Fevereiro de um ano...

> Pediste-me para Pintar

> ...Pedaços...

> Cansada

> Agradar a Gregos e a Troi...

> MÃE

> Parabéns Olimpicos - Para...

> anonimato...

blogs SAPO

>subscrever feeds